O dilema da solidão a dois

O sentimento de solidão em um relacionamento é semelhante ao sentimento de sentir-se aprisionado.

Os relatos de mulheres que se sentem imensamente sozinhas em um relacionamento são muitos. São relatos carregados de dor e sofrimento. Exemplifico as mulheres, devido ao maior número de queixas serem delas.

pexels-photo-984949.jpeg
Foto por Vera Arsic em Pexels.com

Queixas de falta de compreensão e empatia são as mais comuns. Sensação de não ter seus sentimentos acolhidos ou sonhos apoiados.

Outro dia uma mulher me relatou que seu marido não compreendia como ela se sentia, apesar de ter tentado explicar várias vezes, não compreendia seus anseios e sonhos, nem as dores que lhe habitavam. Que chorava horas sozinha no banheiro ou à noite quando todos dormiam. E com isso foi se afastando e se fechando!

Referiu que isso contribuiu imensamente para a sua depressão. Tinha medo da solidão, do desamparo, de não conseguir encontrar um novo amor. Achou que não era merecedora de recomeçar uma outra vida e que era preciso aguentar ficar ali, pois o medo de arriscar a paralisava.

Não estou aqui para questionar o outro companheiro ou dizer que ele está errado.

pexels-photo-3692885.jpeg
Foto por cottonbro em Pexels.com

Fica claro, que muitas vezes os casais se perdem e esquecem de acolher um ao outro. A parceria é extremamente importante para manter o interesse, a união e para fortalecer o laço que uma vez os uniu. Uma escuta mútua de compreensão e acolhimento é essencial.

É preciso desmistificar a noção de que um relacionamento amoroso irá ser sua salvação. Quebrar os mitos de amor romântico e das histórias infantis. Descobrir sua própria completude e somente então compartilhá-la com o outro.

Escutar e acolher é essencial!

Luna Ranzani
Publicitária

Deixe uma resposta