Assumir riscos nos permite crescer


Correr riscos é algo necessário para alcançar nossos objetivos e gradualmente nos transforma em alguém muito próximo do nosso eu ideal. Mas a palavra “risco” não produz imediatamente um grande sentimento de medo para você? Não estamos acostumados a correr riscos. Nós os evitamos e nos protegemos contra eles.

É completamente normal. Se pudermos, sempre procuramos a maneira mais fácil e segura de alcançar o que pretendemos, mas talvez isso seja um sinal de fraqueza? Querer tudo tão facilmente não é bom. O resultado não será tão satisfatório.

“Aquele que não é corajoso o suficiente para correr riscos não alcançará nada na vida.” (Muhammad Ali)

O medo de cometer erros
Isso é algo difícil de superar porque parece que ainda continuamos ancorados à ideia de que cometer erros é algo do qual devemos nos envergonhar. Algo que deve sempre tentar fugir se pudermos. Mas cometer erros é essencial para aprender, saber onde falhamos, corrigi-lo e seguir em frente com nossos objetivos. Você está com medo? Claro, mas todo o medo deve ser superado.

“Liberte-se da obrigação de ser perfeito. Você tem o direito de cometer erros, tanto quanto você precisa para continuar aprendendo as lições da vida” -Hachedesilencio-

Foto por Kat Jayne em Pexels.com

Arrisque-se e cometa erros! Mas isso permitirá que você veja onde você precisa melhorar, corrigi-lo e continuar a crescer. Como aprendeu a andar? Caindo… Como aprendeu a ler? Cometendo erros… Não há nada que venha fácil e sem riscos nunca haverá respostas certas.

Erros são os traços de nossas tentativas

Cometer erros é inevitável, todos nós fazemos em nossas vidas.

Se você falhar, tudo bem.
Imagine que você corre um grande risco para mover uma empresa para a frente ou estudar o que você sempre quis. Há coisas que são difíceis de realizar porque fazê-lo é um verdadeiro sacrifício. Mas correr um risco significa que tudo vai correr bem?

Correr riscos nem sempre vai resultar em algo positivo, mas a satisfação de ter tentado e descartado um caminho que você achou correto é o caminho certo a seguir. Mesmo que você falhe, mesmo se você se encontrar em uma encruzilhada, não se preocupe. Você fez a melhor escolha.

Lembre-se que você não pode saber onde seus limites estão sem riscos. Ninguém nasce sabendo no que são bons, no que fazem de errado, quais são suas fraquezas… Ninguém sabe, mas você aprende cometendo erros e correndo riscos.

“Voar é uma arte; ou melhor, um truque. O truque é aprender a cair no chão e falhar” (Douglas Adams)

Mesmo que você se arrisque e falhe, não se intimide para continuar correndo riscos repetidamente. Pense na emoção de realizar esse risco. E se algo der errado? Está tudo bem, está tudo bem. Levante-se e opte por outra possibilidade. A vida é cheia deles, você é o único que define seus limites.

Foto por The Lazy Artist Gallery em Pexels.com

E se der tudo certo?
Esta é mais uma das muitas opções. Imagine o número de riscos que as pessoas correm que vão muito bem. Você poderia realmente viver com a incerteza de “e se…”? Correr riscos permitirá que você exclua opções que de outra forma permaneceriam em sua mente como uma oportunidade perdida.

Às vezes não sabemos que às vezes para ganhar você tem que perder. Vivemos com medo para enfrentar nossos próprios sonhos porque não acreditamos em nós mesmos. Você tem algo a perder? Arrisque-se e aprenda a ver seus objetivos como algo que, se você quiser, pode alcançá-lo.

Nada vem sozinho. Lembre-se que você tem que lutar por tudo. O problema vem com o medo que nos faz acabar com nossa vida arrependido por tudo o que não fizemos e queríamos fazer. Certamente você não quer isso.

“Temos que correr riscos, seguir certos caminhos e abandonar outros. Ninguém é capaz de escolher sem medo” -Paulo Coelho-

Foto por Andrea Piacquadio em Pexels.com

Não pare de pensar no seu objetivo
Em sua mente só deve haver uma coisa clara: seu objetivo. Depois disso, se você tem que correr um risco, então basta fazê-lo! Se tem que dar errado, que assim seja! Mas lembre-se que também pode ir bem, mas isso é algo que você não vai saber a menos que você tente.

Comece a correr riscos hoje pelo que realmente quer, sem ter medo de nada, sem ter medo de si mesmo e dos erros que você pode cometer. A vida é cheia deles, mas eles permitem que você cresça e aprenda. Cometa erros, arrisque- se, viva…

Publicado originalmente em https://exploringyourmind.com/

Deixe uma resposta